terça-feira, 14 de abril de 2015

Sem Tempo Para Não Ter Tempo


Todo escritor (seja de hobby ou profissão) já escreveu, ou teve vontade de escrever, um texto falando que não tinha ideia do que falar. Um texto que começa com algo como: "Não sei o que falar" (literalmente), mas que termina com uma grande filosofia de vida. Nunca fui muito boa nessa de filosofar, mas gosto de escrever e, bom, hoje eu realmente não sei o que falar (hehe), talvez, só que eu realmente ando perdida no meu próprio tempo. Será que esse é o tal filosofar? O fato de que fiquei pensando o dia todo que não sabia o que escrever porque estou 'sem tempo' serve como filosofia? Recebi muitos comentários nas últimas semanas perguntando como que eu faço para aproveitar tão bem o meu tempo. Achei divertido, porque, de verdade, não acho que aproveito muito bem. Ok, eu realmente consigo fazer tudo que me dá na telha, mas isso não significa que estou fazendo da melhor forma, rs. Esses dias até comentei lá na página do blog (no último sábado) que eu fui tirar uma naninha time (tipo uma soneca) à tarde e quando acordei, lá pelas 21h, eu estava me achando a pessoa mais inútil da face da terra. Afinal, quem é que dorme à tarde e acorda tarde... da noite? Aí eu parei para pensar. Nesse mesmo dia eu tinha acordado às 7h e tinha dado aula até a hora do almoço. Tinha também gravado um vídeo pro blog, preparado uma resenha e até mesmo feito meu almoço (feito mesmo, desde o tempero até colocar no prato). Aí fiquei pensando, nem sou tão inútil assim (às vezes), eu só tenho um tempo muito estranho. Um exemplo disso, que pode ser ainda mais claro: Enquanto escrevo esse texto eu já parei para fazer café (Feliz dia internacional do café!), para tirar a foto que vocês estão vendo aí em cima e até mesmo para terminar de planejar a aula que eu vou dar daqui a pouco. Eu não tenho tempo para não ter tempo, mas até que eu me viro bem quando não tenho tempo (ahn?).

Sabe aquela história de que funcionamos melhor na pressão? Mentira, funcionamos melhor quando não temos tempo. Isso pode servir para virar um texto até (oi!) ou simplesmente para te mostrar que podemos sim fazer algumas coisas em horários que, em tese, seriam inúteis. Eu almoço na cantina da faculdade, porque é barato e porque não tenho tempo de fazer em casa (uma vez que dou aula 13:30), e descobri que se eu levar um livro na mochila consigo achar um cantinho qualquer para ler na meia-hora que tenho entre meu almoço e a aula. Antes eu ficava olhando para o nada e ainda tinha coragem de reclamar: Ando tão sem tempo. Realmente, não vou falar que estou distribuindo tempo livre por aí, mas o tal segredo (que vocês andam perguntando) é aproveitar cada segundo do seu dia. Eu já pensei em deletar esse texto todo e começar do zero umas cinco vezes, mas aí eu pensei mais uma vez: Nunca que eu ia ter tempo de escrever outro. E, no final da contas, nem está tão ruim assim, mas, por favor, não esperem uma resolução de vida no final. O fato é que nem eu sei se estou fazendo certo, mas até que está funcionando para mim. Eu estou esgotada, mas estou bem feliz. Estou conseguindo trabalhar, bloggar, estudar e ainda manter meu ritmo de leitura (quase ok). Eu posso não ter tempo, mas estou indo relativamente bem. Acho, então, que continuo sem ideia do que escrever aqui essa semana. Não achei um novo amor (nem um antigo), não fiz nenhuma descoberta legal e muito menos aprendi alguma coisa nova e especial para passar para vocês. Mas só o fato de estar escrevendo já está me deixando mais feliz (vale contar que eu cai de um 'palco' hoje enquanto dava aula, longa história, então estava precisando de algo bom). Não se preocupem se estão sem tempo ou sem ideia, porque tudo tem seu tempo, até as ideias. Se você acha que está sem tempo de verdade, pense bem. Será que esses minutos a mais no facebook só olhando a barra (vazia) de notificações são realmente necessários? Será que o intervalo das aulas serve mesmo só para fofocar? Desculpas ocupam mais tempo que ações. Prometo pensar melhor no meu tempo e usar isso para um texto melhor para a próxima semana, mas, por hoje, é só. Sério! Vai lá aproveitar o resto do seu dia, porque eu vou sair correndo para não chegar atrasada para dar aula. Corre!

10 comentários:

  1. Eu só funciono bem quando não tenho tempo, fico mais criativa, e faço mais coisas do que quando planejo haha.Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei como é isso! Eu também só funciono assim haha
      Beijooos

      Excluir
  2. Meu Deus, me emocionei hahaha sério!
    Tipo eu vivo reclamando que não tenho tempo, mas também, quando tenho tento aproveitar.
    A não ser que a conversa esteja muito boa, eu leio até nos intervalos entre as aulas haha e na van :P
    Mas aí eu fico pensando: Se eu estou assim nessa idade, imagina daqui... sei lá... 5 anos! Eu já faço aula todos os dias de tarde, provas e muita tarefa hahah
    OK, vou parando por aqui se não vou falar demais... Mas saiba que esse texto me inspirou muito, porque tempo é uma das coisas que mais tem me preocupado ultimamente.
    Beijooos <3 e obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, isso significa muitoooo para mim xuxu, de verdade! <3
      Daqui uns 5 anos seria tipo você com a minha idade? hahahaha
      Mil e um beijos e de nada <3

      Excluir
  3. Adorei o texto!
    Eu não tenho tempo pra nada nunca! Tento fazer 1000 coisas ao mesmo tempo para otimizar, normalmente da certo...
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, xuxu! <3
      A gente vai levando assim haha
      Beijoos

      Excluir
  4. Oiie,
    Esse texto está muito bom! De agora em diante quero aproveitar meu tempo da melhor maneira, ler, estudar, escrever e ser feliz. Uma vez ouvi a frase que 'quem faz seu tempo é você' ou seja, acho que o tempo é o mesmo pra todos, mas alguns aproveitam de uma maneira boa( o que passa tão rápido, como uma simples soneca no final da tarde, rsrs) e outros fazem coisas que não são tão prazerosas assim. O fato é que: temos de viver cada segundo da nossa vida. Esse post me fez pensar ainda mais sobre isso. Obrigada por me fazer acordar pra vida, ou pro tempo, rsrs. Ler esse post foi uma das melhores maneiras de gastar meu precioso tempo, rsrs. Adorei esse post diferenciado !!

    Abraços,
    Yasmin- 365 Dias Literários

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Fico muito feliz que tenha gostado, xuxu! =)
      Realmente, nós que escolhemos como vamos lidar com o tempo que temos!!
      Ai, é muito bom saber que ajudei de uma forma ou de outra! <33

      Beijos

      Excluir
  5. "Desculpas ocupam mais tempo que ações." - Fato !rs Bora aplicar essa "filosofia" no dia a dia ! ;)

    ResponderExcluir